Com Banda Lira, taiko e kendô, Câmara de Suzano comemora o Dia do Imigrante Japonês

24 de junho de 2022


Descrição da Imagem:#PraCegoVer: vereadores, autoridades e homenageados no plenário da Câmara de Suzano.

Crédito da foto: Ricardo Bittner/Câmara de Suzano

A sessão solene que comemorou os 114 anos da imigração japonesa no Brasil foi um espetáculo. A atividade, que lotou a galeria da Câmara de Suzano, teve apresentação musical com a cantora Mayumi Takahashi, juntamente com a Banda Lira Suzanense, apresentações do Aceas Fukuhaku Kendo e do Taiko Kouran Daiko (Bunkyo Suzano) e uma exposição de ikebana (arte japonesa de arranjos florais).

A Casa de Leis de Suzano homenageou cinco representantes da colônia japonesa da cidade: Ikuko Ueda, Kazuo Nakada, Luiz Mituo Anraku, Maça Fujii Kagohara e Takatsugu Fujimura.

O vereador Artur Takayama (PL) discursou em nome do Legislativo. “Muito honrado em estar representando os vereadores nessa sessão solene”, afirmou.

O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PL), falou sobre a trajetória de sua família no Brasil que começou com a chegada de seu avô e depois sua avó, em 1936. “114 anos de um sonho que iniciou numa saída de um povo do outro lado do mundo. Suzano foi formada por várias colônias, mas uma das mais importantes foi a imigração japonesa”, disse.

Em nome de todos os homenageados, Takatsugu Fujimura discursou em japonês. Seu discurso foi traduzido pela intérprete Cecilia Ishihara. Ele agradeceu a cerimônia realizada pela Câmara e citou a construção da Praça do Sol Nascente como uma das principais obras direcionadas à colônia japonesa.

O presidente da Câmara de Suzano, Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho, ressaltou a importância história dos imigrantes japoneses. “A participação dos japoneses e seus descendentes é marcante na história de Suzano, pois direcionou a vocação econômica inicialmente para a produção agrícola e, mais recentemente, para a produção industrial. Tanto que a presença nipônica sempre foi e continua notória na política do nosso município, assim como na cultura, nas festas tradicionais e nos esportes”, falou.

Também participaram da solenidade os vereadores: Gerice Lione (PL), a esposa do Prefeito da Academia; André Marcos de Abreu (PSC), o Pacola; Lazario Nazaré Pedro (Republicanos), o Lázaro de Jesus; Marcel Pereira da Silva (PTB), o Marcel da ONG; Marcio Alexandre de Souza, o Marcio Malt; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Suzano, Fabricio Tsutsui; o ex-vereador Luis Higashi; o vice-presidente do Enkyo São Paulo, Eiki Shimabukuro; o representante das Entidades Nipo-Brasileiras e ex-deputado federal, Walter Ihoshi.

E-book

A Câmara de Suzano lançou, no ano passado, o e-book “Japão Suzano: os 25 vereadores que representam a história política desta união”. O formato digital foi escolhido porque há a possibilidade de edição do conteúdo de maneira mais fácil e rápida, como por exemplo, a inclusão de fotografias dos vereadores que não foram encontrados pela equipe. Além disso, o livro virtual permite que mais pessoas tenham acesso ao conteúdo que está disponível, totalmente gratuito, no site da Câmara (http://www.camarasuzano.sp.gov.br/downloads/japao.pdf).