Câmara de Suzano autoriza Executivo a conceder imóvel para o Poupatempo

30 de junho de 2021


Descrição da imagem #PraCegoVer: parlamentares sentados atrás de suas mesas no Plenário da Câmara.

Foto: Taís Aranha

A Câmara de Suzano aprovou na sessão ordinária de hoje (30) um projeto de lei complementar que autoriza o Executivo a conceder, a título gratuito, o uso de imóvel municipal ao Governo do Estado de São Paulo para instalação, implantação, operação e funcionamento do Poupatempo. O imóvel está localizado na alameda Mayer J. Nigri, no Jardim dos Ipês.

“Será um grande avanço para o município”, disse o presidente da Casa de Leis, Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho.

Os vereadores também aprovaram na sessão um projeto de lei complementar que isenta o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), para exercício de 2021, a entidade familiar que teve seu arrimo de família falecido pela Covid-19. A propositura é de autoria da vereadora Gerice Lione (PL), a esposa do Prefeito da Academia.

Muitas pessoas perderam seus empregos, foram mandadas embora e perderam arrimo de família. Não está fácil arrumar emprego e muita gente está preocupada em como pagar seu IPTU. Não é porque a pessoa perdeu o arrimo de família que vai perder também o imóvel”, justificou.

Os parlamentares ainda votaram favoravelmente a um projeto de lei, de autoria do vereador José de Oliveira Lima (PDT), o Zé Oliveira, que dispõe sobre a inclusão de informações referentes à isenção, redução e abatimento de  IPTU no município.

O vereador Jaime Siunte (PSDB) teve aprovado um projeto de lei complementar que acrescenta um artigo ao Código de Posturas do município. O artigo define quem comercializa sucata no município e prevê punições em casos que não houver comprovação de procedência lícita de material. “Estão roubando de tudo nessa cidade: grade, lixeira, caixa de inspeção. E quem está comprando isso”, indagou o parlamentar, que também apresentou vídeos de uma antena roubada e de uma pessoa retirando uma placa de sinalização de trânsito. “Na sexta-feira furtaram os cabos de luz do Hospital das Clínicas, que ficou no escuro. Tinha 14 pessoas na UTI com respirador, por sorte as baterias suportaram por 40 minutos”, relatou.

Tribuna Livre

Na Tribuna Livre, o vereador Lazario Nazaré Pedro (Republicanos), lamentou a morte e prestou uma homenagem a Maria Alves de Oliveira da Silva, conhecida como Maria do Lago. “Era uma pessoa muito atuante, muito guerreira. Meu pesar a toda a família”, disse. O vereador Joaquim Rosa (PL) destacou que ela era fundadora do bairro Jardim do Lago. O parlamentar Antonio Rafael Morgado (PDT), o professor Toninho Morgado, afirmou que ela deixou um “grande legado”. E o presidente da Casa de Leis disse que Maria do Lago “fará falta a toda a comunidade”.

A vereadora Gerice Lione exibiu um vídeo com o humorista Tom Cavalcante, em que ele lê um texto sobre as críticas feitas a todos os níveis de governo em relação ao novo coronavírus. “Vemos muita gente criticando A, B ou C, mas o vírus é o único culpado. As pessoas estão aprendendo a fórceps. Temos que plantar o bem. Não foi o presidente, o governador ou o vereador que soltou esse vírus no mundo”, disse.

O parlamentar Denis Claudio da Silva (DEM), o filho do Pedrinho do Mercado, pediu apoio aos demais vereadores para apurar informações sobre o atendimento veterinário prestado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Meio Ambiente. De acordo com ele, após ser procurado por um munícipe, descobriu que foram gastos, em três clínicas conveniadas, R$ 165.589,00 em março e R$ 148.885,00 em abril. Cada consulta sairia por R$ 115. “Se fizer a conta, atenderam a 1.400 cachorros. Cheguei à conclusão que, em março, se atendeu mais cachorro que pessoa na área da saúde”, disse.

Segundo Denis filho do Pedrinho do Mercado, a Secretaria de Meio Ambiente não está temporariamente realizando este tipo de atendimento veterinário, mas indica aos munícipes que a procuram uma clínica que presta o serviço a R$ 20. “Estou aguardando chegar a resposta do ofício que fiz, com nome, endereço, telefone e CPF dos proprietários desses animais, porque um dos requisitos (para ter o atendimento) é pessoa fazer parte do Bolsa Família”.

O vereador Rogério Castilho (PSB) pediu para a Prefeitura informe conquistas solicitadas pelos vereadores nos bairros. “Temos que andar de mãos dadas”, disse. O parlamentar professor Toninho Morgado complementou que, quando o Executivo vai ao bairro, tem que lembrar da Casa de Leis e dos vereadores. “Precisamos estar junto para dizer que fizemos parte da luta desta conquista.” O vereador André Marques de Abreu (PSC), o Pacola, também concordou: “Quando o munícipe cobra, cobra do vereador”, afirmou.

O parlamentar Marcos Antonio dos Santos (PTB), o Maizena, informou que pedirá ao secretário de Saúde, Pedro Ishi, que inclua nos grupos prioritários de vacinação contra a covid-19 os trabalhadores da área de reciclagem, bem como funcionários da coleta de lixo. “Eles são muito expostos, porque estão em contato com o lixo direto”, justificou.

Homenagem

Durante a sessão, também foi feita a entrega de uma homenagem a José Jorge Quadros, presidente da Associação dos Profissionais da Enfermagem de Suzano, em razão da Semana da Enfermagem.