Mesa Diretiva da Câmara de Suzano reduzirá R$ 315 mil em despesas

6 de fevereiro de 2017


Sessão Solene Posse Eleitos 1-1-17 001 - Ricardo Bittner

Foto: Ricardo Bittner

A Mesa Diretiva da Câmara de Suzano reduzirá R$ 314.947,96 em despesas da Casa. Isso é resultado de decisões que o presidente do Legislativo, José Izaqueu Rangel (PSDB), o Zaqueu Rangel; o vice-presidente Leandro Alves de Faria (PR), o Leandrinho; o primeiro secretário Antonio Rafael Morgado (PDT), o professor Toninho Morgado; e o segundo secretário Max Eleno Benedito (PRP), o Max do Futebol, tomaram para diminuir o total de despesas do Legislativo.

A ação que economizará maior quantia nos cofres públicos diz respeito ao cancelamento do contrato firmado entre a Casa de Leis com um escritório de assessoria jurídica de São Paulo. O valor era de R$ 216 mil ao ano.

Outra decisão da Mesa Diretiva foi a não renovação da locação do prédio que há anos era utilizado como garagem dos carros oficiais dos parlamentares. O valor de R$ 94 mil não será mais debitado das contas do Legislativo, já que os automóveis serão transferidos para a nova sede da Câmara, que conta com espaço adequado para todos os veículos.

Redução

A terceira medida tomada pela Mesa Diretiva está relacionada com a redução do número de vereadores. Até ano passado, a Casa contava com 21 parlamentares. A partir desta legislatura, Suzano conta com 19 vereadores. Sendo assim, o Legislativo, que contava com cinco automóveis locados, decidiu reduzir o total de carros alugados para três. Com essa medida, a Casa economizará R$ 4.947,96. Caso o contrato com a empresa contratada seja renovado em março, o Legislativo terá reduzido o valor total em R$ 59.375,52.